Edições do SQL Server 2005

Antes de qualquer nova instalação de um servidor SQL Server 2005 deve-se analisar as versões o que cada uma das cinco edições nos oferece. Lembrando que cada edição é projetada para um ambiente especifico.

 

  • SQL Server 2005 Express Edition – Distribuído somente para 32 bit, é free e fácil de usar e pode ser distribuído para à clientes junto com aplicações. Normalmente utilizado com pequenos ambientes de dados.
  • SQL Server 2005 Workgroup Edition – Também é distribuído somente em 32 bit e é indicado para pequenas organizações que necessitam de um banco de dados que não restrinja o tamanho ou número de usuários; indicado para trabalhar como back end, pequenos servidores de aplicações web ou para operações departamentais.
  • SQL Server 2005 Standard Edition – Esta versão trabalha em 32 e 64 bit e inclui as funcionalidades essenciais necessárias para um e-commerce, data warehousing e line-of-business que deve atender a pequenas e médias organizações. Atende as necessidades de bancos de dados que contem uma grande quantidade de dados, mas não necessitam instalações com todas as funcionalidades do Enterprise Edition.
  • SQL Server 2005 Enterprise Edition – Distribuído em 32 e 64 bits é projetado para suportar ambientes com grande quantidade de transações, com analise de dados altamente complexas, sistemas de data warehousing.
  • SQL Server 2005 Developer Edition – Possuí todos os recursos da edição Enterprise, mas é licenciado somente para ambientes de teste e desenvolvimento, não pode ser utilizado em servidores de produção.
  • SQL Server 2005 Compact Edition – Oferece um banco de dados de pouca manutenção, incorporado e compacto para aplicativos cliente de usuário único para todas as plataformas Windows, incluindo Tablet PCs, Pocket PCs, Smart Phones e Desktops. Essa versão é uma boa solução para substituir os arquivos do Microsoft Access.

Author: SQLCrespi

Rodrigo Crespi é MVP Data Platform, MCT, MCSE, MCSA, MCIT, MCDBA e MCP em SQL Server, possuí outras certificações em .NET Framework, Dynamics CRM e etc. Iniciou trabalhando com SQL Server na versão 6.5 na época como desenvolvedor, logo direcionou a sua carreira para a área de administração de bancos de dados. Atualmente é Sócio da CrespiDB – Soluções em Plataformas de Dados, além de professor universitário na Uniftec – Caxias do Sul Autor de diversos artigos publicados em sites e revistas sobre SQL Server e engenharia de software, mantem o canal SQLCrespi no Youtube, o blog SQLCrespi, além de ser dedicado ao SQL Server RS PASS Chapter Leader do grupo de profissionais em SQL Server do Rio Grande do Sul.

Deixe uma resposta